4. CÓPIA  DE textos da INTERNET

 

Você pode copiar um documento da internet (cuidado com os direitos autorais), e transformá-lo em documento do WORD, para depois trabalhar com esse documento no seu computador.

 

Dica:

 

Claro está que nada se cria, e tudo se transforma, e que você poderá ler os textos que acessar na internet, assim como poderá ler também qualquer livro didático, para depois escrever o seu artigo, a sua dissertação ou a sua tese. O que se requer, apenas, é que você não faça um plágio, copiando o texto de alguém e depois publicando esse texto, ligeiramente alterado, como se fosse de sua autoria. Da mesma forma como você deve citar os autores, quando estiver trabalhando com livros, revistas, enfim, com a mídia impressa, também é preciso citar os autores, quando você estiver trabalhando com a internet.

 

         Mas você poderá, evidentemente, copiar vários textos da internet, e transformá-los em documentos do word, para depois trabalhar com esses textos no seu computador.

 

Veja depois os tópicos:

Como pesquisar na internet” e

Como fazer fichamento no computador”.

 

Para copiar o documento da internet, faça o seguinte:

 

Mantenha apertado o botão esquerdo do mouse, para selecionar o texto que você quer copiar. Passe a seta do mouse, ou do rato, como é chamado em Portugal, por cima do texto que você quer copiar. O texto vai ficar escuro. Outra opção é apertar ao mesmo tempo as teclas “CTRL” (control) e “A”.

Em seguida, no seu teclado, já com o texto escuro, aperte ao mesmo tempo as teclas “CTRL” e “C”. Com isso, você copiou para a memória do seu computador o texto selecionado.

 

Feito isso, abra um novo documento do word, e faça um clique com o botão esquerdo do mouse dentro desse documento (que está em branco, evidentemente). Depois, basta você apertar, no seu teclado, ao mesmo tempo, as teclas “CTRL” e “V”.

 

Pronto. Agora, você tem um documento do word com aquele texto que você copiou da internet e pode modificá-lo, escolher as letras, as cores, inserir figuras, inserir links, etc.

 

Você poderá também apagar o que não interessa.

 

Depois de pronto o documento do word, você vai poder salvar esse documento na pasta apropriada do seu computador. Basta clicar, lá em cima, em ARQUIVO, depois em SALVAR COMO, depois escolher a PASTA onde o documento vai ser salvo, e modificar o nome do documento, se for necessário. Depois de tudo feito, clique em SALVAR.

 

Depois, você também poderá acessar novamente esse documento, para transformá-lo em html, conforme explicado acima, para depois colocá-lo no seu site.

 

Dica:

 

Quando você salvar o documento, evite nomes muito longos, com o longo tema do trabalho, mais o nome do autor, etc., porque isso pode dar problemas depois no seu computador, e os documentos não vão abrir. O importante na escolha do nome para o documento do word é que você saiba do que se trata, para facilitar uma busca posterior, no seu computador.

 

Mas preste atenção: quando eu estou falando nome do documento, agora, isso não tem nada a ver com o nome que você vai atribuir a esse mesmo documento do word, quando ele for salvo como documento html. Este último nome (do html) é que vai ser importante, porque vai fazer parte do endereço (url) desse documento na internet. Entendeu?

 

O nome do html deve ser bem simples, conforme já foi explicado no tópico anterior, referente à criação de documentos em html. A sugestão que eu dei foi: artigo1.html.

 

Eu costumo usar apenas uma palavra, por exemplo: para um trabalho do mestrado cujo título é “Da Soberania Clássica à Soberania Atual”, e que foi entregue ao prof. Ivo Dantas, eu escolhi o nome: ivo.html. Se depois eu fizer outro trabalho para esse mesmo professor, poderei colocar: ivo2.html. Também poderia ser, por exemplo, soberania.html. Entendeu? O critério será todo seu. Só não pode repetir um nome, evidentemente.

 

Lembre-se, também, da organização do seu computador. Pastas, sub-pastas, etc., organizando todos os textos por assunto. Fica mais fácil, depois. Os documentos html, depois de prontos, poderão ser também organizados em pastas apropriadas, por assunto.

 

Observe, ainda, que nem sempre é possível copiar um texto da internet. Um exemplo é o texto em pdf, que serve apenas para imprimir, ou para salvar em pdf no seu computador. Não dá para transformar em documento do word, para depois você poder trabalhar em cima do texto.

 

Outra dica:

 

Sempre que você copiar um documento da internet, é interessante que você copie também o endereço desse documento. Esse procedimento é bastante útil, para depois você poder acessar aquele site de onde você tirou esse texto, e também para poder cita-lo, em qualquer trabalho.

 

O processo é o mesmo: depois de copiar o documento, faça CTRL+C lá em cima, na caixa do internet explorer onde está o endereço, e depois faça CTRL+V no seu texto já copiado em word. Depois, seria também interessante ressaltar o endereço com uma barra amarela, assim.

        

         Mas suponhamos que você copiou da minha página este texto que você está lendo agora, e depois fez o CTRL+C e o CTRL+V. Olhe o resultado:

http://www.profpito.com/4.copia.html

 

         Você deve estar querendo também saber por que será que eu coloquei esse nome neste html: “4.copia”

 

         Sabe por que?

 

         Porque fica mais fácil trabalhar no meu computador com esses textos, porque serão uns quinze, mais ou menos. Assim, colocando esse número no início, eles vão aparecer sempre na ordem de sua elaboração. Fica mais fácil de trabalhar, na ordem lógica. Sem esse número, eles apareceriam embaralhados, dependendo da primeira letra de cada nome.

 

         Para terminar, mais uma dica:

 

         Suponhamos que você copiou da internet um texto que você encontrou por acaso, quando estava fazendo uma busca no Google, por exemplo (leia depois “Como pesquisar na internet”), e suponhamos que esse texto estava no seguinte endereço: http://www.profpito.com/4.copia.html 

(reparou que não dá para colocar o acento de cópia?)

 

Ora, pode ser que existam outros textos interessantes nesse mesmo site. Como encontrar a página principal desse site?

 

Basta que você apague, lá em cima, na caixa do internet explorer onde aparece o endereço, todos os dígitos que estão depois da barra (/), deixando assim apenas a raiz: http://www.profpito.com. Depois, basta pressionar a tecla “ENTER”, e pode ser que você encontre essa página. Como também pode ser que ela não exista mais.

 

Se esse processo não funcionar, talvez exista no documento que você encontrou na internet alguma pista para você localizar esse site. Uma palavra qualquer, o nome do site, etc. Nesse casso, o jeito é digitar essa pista no Google, e fazer outra busca.

 

Veja depois: “Como pesquisar na internet”.

 

PRÁTICA:

 

Seria interessante, neste ponto, que você já estivesse colocando em prática as orientações recebidas, organizando o seu computador, com o material que você pretende divulgar na internet, e testando também o processo de transformação dos documentos do word em html. Se você fizer isso, depois tudo será bem mais fácil, e a sua home page vai ficar pronta em um piscar de olhos.

 

Bem, agora vou transformar este documento em html, para depois colocá-lo na internet, com o auxílio  do programa que eles chamam de FTP (file transfer protocol), ou seja, programa de transferência de arquivos. Esse programa transfere para a internet um arquivo do seu computador, conforme você aprenderá a fazer depois, no tópico apropriado, depois de criar o seu site. Feita essa transferência, depois eu vou “abrir” no page builder a minha página http://www.profpito.com/homepage.html, para criar o link para este texto.

 

Por falar em link, eu não vou colocar, aqui, um link para você “Voltar para a página anterior”.

Isso não é muito necessário, porque você pode perfeitamente clicar naquela seta azul lá em cima, ou como eles chamam, o “browser”, o buscador, ou o navegador.

Certo?