MENSAGEM DA BERNADETE AOS SENADORES

25.04.2009

 

Prezados Senadores,

 

Venho em nome dos Bachareis de Direito de Goiás pedir o seu voto para  o fim do exame de ordem, este trágico e abominável exame que tem deixado 4 milhões de profissionais à margem da sociedade.

 

Muito se alega da qualidade do ensino Jurídico no país, para defesa e manutenção do exame de ordem.

 

Ocorre que os mesmos que alegam tal defesa são os que aprovam tais cursos. E inclusive mantêm parcerias com tais cursos.

 

Por que Senador/a autorizar cursos online? se não conseguem controlar os que não são online?

 

ENSINO JURIDICO DEVE SER PRESENCIAL...OU POR FAVOR NAO DIGAM QUE A QUALIDADE DO ENSINO ESTÁ RUIM.

 

http://www.bliccollege.com/tiki-view_faq.php?faqId=1#q9

 (curso online)

 

Se a qualidade do ensino é ruim FECHE-OS...FISCALIZE...MULTE.

O que não podemos e abrir caminho a leis inconstitucionais, leis que beneficiam determinadas classes e categorias.

 

Este exame só conseguiu uma coisa, DIVIDIR UMA CLASSE ATÉ ENTÃO UNIDA! Uma classe que lutou contra a ditadura e agora ela própria faz a ditadura.

 

A quais interesses atendem??? Não, certamente, os da sociedade, dos que não podem contar com um advogado pelos seus altos custos.

 

Que interesses defendem??? Os dos cursinhos preparatórios? os das universidades? os seus próprios? uma reserva de mercado?

 

Senadores/as, o MNBD luta pela tão aclamada justiça social. Deixem leis inconstitucionais hoje, e amanhã o que teremos?

 

O país passou anos sem exame de ordem, haja vista que os maiores defensores do exame de ordem jamais o fizeram, e nada do que se preconiza como "consequências" da má qualidade de ensino jamais deteriorou ou causou danos à sociedade além dos normais, e esperados em qualquer atividade. Hoje, Senadores/as, temos a responsabilidade civil do advogado que cuida de reparar eventuais danos ao cliente.

 

Senadores/as, os Advogados já são controlados pelos Juizes, pela OAB, pelo promotor, pelo advogado da parte ré, e pelo cliente. Por que então mais um controle?

 

Na  lição do Dr. Habib Tamer Badião, professor e advogado:

Bacharéis são como crianças aprendendo a andar...como vamos passar uma "rasteira" numa criança?

Elas vão cair, levantar e aprender a andar corretamente. Alguns serão grandes corredores, mas se fossem derrubados exatamente por quem deveria protege-los, o que fariam? Frustados, desanimados, demorariam mais ainda a andar?

 

Assim, Senadores/as, estamos próximo das eleições, pedimos que ajudem os Bacharéis a andar, do mesmo modo como cada eleitor seu lhe ajudou um dia!

 

E poderemos continuar acreditando na Justiça neste país, aquela que nos motivou a estudar Direito.

 

 

 

O MOVIMENTO NACIONAL DOS BACHARÉIS AGRADECE SEU VOTO.
CONTEM COM OS NOSSOS MAIS DE 4 MILHOES DE VOTOS EM 2010.

 

 
--
Bernadete
Pres.MNBD – GO


Visite nossa página


http://sites.google.com/site/mnbdgo/